FUNDAFFEMG - Fundação AFFEMG de Assistência e Saúde

Use as máscaras corretamente

Até 25 de maio, o Brasil registrou o total de 363.211 casos de contaminação pelo novo coronavírus em todo o país, segundo informações do Ministério da Saúde. Até aquele momento, 22.666 mortes foram provocadas pela Covid-19. Em Minas Gerais, são 6.668 casos e 226 mortes.

Os riscos de uma doença silenciosa

Todo mês, uma em cada dez brasileiras sofre na pele os efeitos negativos da endometriose, muitas delas sem saber que têm a doença, pelo fato de confundirem as cólicas e dores abdominais com sinais da tensão pré-menstrual. A estimativa é feita pelo Ministério da Saúde, que alerta para a importância de se investigar esses sintomas e diagnosticar a patologia inflamatória, que ataca o tecido do útero, os ovários, a bexiga e até mesmo o intestino.

Sempre prontos para atender você

A FUNDAFFEMG tem como um de seus princípios a excelência no relacionamento com nossos beneficiários. Para que estejamos sempre próximos e abertos para o contato com você e sua família, mantemos diversos canais de comunicação e de atendimento que nos apoiam no cumprimento desta diretriz.

Tempo seco e frio são fatores de risco para doenças respiratórias

Nos últimos meses, uma nova doença do trato respiratório alterou a rotina das populações em todo o mundo: a Covid-19, causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2. O isolamento social determinado pelas autoridades locais, o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas, o uso de máscara e o reforço às medidas de higienização das mãos, com água e sabão ou com álcool 70%, são algumas das medidas obrigatórias para este período.

..

Fumantes: Perda de 10 anos de expectativa de vida
 


Pesquisa sugere que parar antes dos 35 anos pode devolver uma década de vida aos ex dependentes do cigarro

Pesquisadores do St. Michaels Hospital, no Canadá, descobriram que fumantes crônicos perdem 10 anos de expectativa de vida.

O estudo sugere ainda que parar antes dos 35 anos pode devolver uma década de vida aos dependentes do tabaco.
 

Usando dados de mais de 200 mil norte-americanos, os pesquisadores também descobriram que a taxa de mortalidade para os fumantes atuais é três vezes maior do que aqueles que nunca fumaram, com a maioria das mortes causadas por condições relacionadas ao tabagismo, tais como câncer, doenças do coração, derrames e doenças respiratórias.

Os especialistas classificaram o estudo como um marco, observando que pesquisas semelhantes nos Estados Unidos foram feitas décadas atrás, ou em grupos de pessoas que não representam a população em geral. Como o tabagismo entre as mulheres não atingiu seu pico até a década de 1980, a pesquisa é, aparentemente, também a primeira a examinar o verdadeiro impacto do uso do tabaco entre ambos os sexos.

Isso é realmente impressionante, uma combinação de boas notícias para os não fumantes, mas altas taxas de mortalidade entre os fumantes. Nós encontramos uma triplicação da taxa de mortalidade, e os níveis entre homens e mulheres agora são muito semelhantes. Mulheres fumam como homens e morrem como homens - afirma o autor do estudo Prabhat Jha.

De acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), o uso do tabaco causa cerca de 200 mil mortes por ano nos Estados Unidos, mais do que a infecção por HIV, uso de drogas ou álcool, acidentes de carro, suicídios e homicídios juntos.

Os cientistas examinaram dados sobre tabagismo de cerca de 217 mil adultos recolhidos entre 1997 e 2004 para determinar os riscos do tabagismo e os benefícios de parar de fumar.

Os não fumantes têm duas vezes mais probabilidade de viver até 80 anos em comparação aos fumantes, o que indica que o tabagismo não mata as pessoas em idade avançada, mas na meia-idade, segundo o estudo. Outra descoberta foi que os fumantes adultos que se livram do vício em idades de 25 a 34 anos, ganham cerca de 10 anos de vida em comparação com aqueles que continuam a fumar.

Mesmo parar depois dos 55 anos de idade rende alguns anos extras aos ex-fumantes. Nunca é tarde demais para parar -conclui Jha.

Fonte: Portal R7

..........................................................................................................................................
 [volta página anterior]
 
 
Receba nosso

Boletim Eletrônico


.............................................................................................................................................................................................
Rua Sergipe, 893 . Savassi - BH/MG - CEP:30130-171 . Telefone (31)2103-5858