FUNDAFFEMG - Fundação AFFEMG de Assistência e Saúde

 Mais eficiência para falar com você

Atender bem é uma prioridade da FUNDAFFEMG. Por isso, um novo sistema de gestão foi implantado recentemente, permitindo a geração de protocolos sempre que os canais de atendimento do plano são acionados. Ou seja, se um beneficiário ou um credenciado ligou para nossa equipe, receberá um número referente àquele contato.

Ir ao Pronto-socorro nem sempre é a melhor opção

Metade da população brasileira procurou um pronto-socorro ou pronto-atendimento em 2016, mas pouco mais de 10% foram encaminhados para internação. Os dados revelados por uma pesquisa feita pelo Ibope, a pedido do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), mostram que as pessoas procuram esses locais não somente em casos de urgência e emergência, conforme recomendado pela legislação.

 O caráter solidário da FUNDAFFEMG

A FUNDAFFEMG é um plano de autogestão, pois está vinculado a uma categoria profissional e não possui fins lucrativos. Isso leva a um modo de funcionar específico, em que se destaca a solidariedade: os beneficiários compartilham entre si os custos provenientes do atendimento médico/hospitalar do grupo, em um sistema de mútua ajuda, o de rateio, conforme definido em regulamento próprio.

 Você contribui para o desenvolvimento do seu filho?

Desde o nascimento do bebê até o início da vida adulta, presença familiar é determinante para o crescimento pleno da criança e do jovem. Como explica a gestora do SEMPRE, Flávia Alves, os pais têm o poder de contribuir para que seus filhos desenvolvam habilidades cognitivas, sociais e emocionais. “Por isso que muitos pesquisadores buscam entender melhor essa influência e propor caminhos para garantir a presença da família nesse importante processo”.

..

Cigarro: apague esse vício!


No Brasil, dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA) mostram que 156 mil mortes relacionadas ao tabagismo são registradas todos os anos. Conheça o Grupo de Apoio à Cessação do Tabagismo Bons Ares, oferecido pelo FUNDAFFEMG, em Belo Horizonte, e histórias inspiradoras de beneficiários que decidiram abandonar o vício.

 

O cigarro é composto por 4.700 substâncias químicas tóxicas e contribui para o aparecimento de aproximadamente 50 doenças, principalmente cardiovasculares e respiratórias obstrutivas crônicas, além de câncer. Estatísticas do INCA mostram que os fumantes possuem um risco dez vezes maior de ter câncer de pulmão, cinco vezes maior de infarto, bronquite crônica e enfisema pulmonar e duas vezes maior de derrames cerebrais.

 

Motivos para parar de fumar não faltam. “É preciso ter força de vontade e determinação”, afirma Thalia do Amaral Silva Mourão, secretária da presidência da AFFEMG e beneficiária do FUNDAFFEMG-Saúde, que fumou durante 35 anos. Em 2008, ela e o marido, Renato Márcio, conheceram o Grupo de Apoio à Cessação do Tabagismo Bons Ares, oferecido pelo Plano, em Belo Horizonte, e decidiram dar o primeiro passo para abandonar o vício. “Começamos as atividades despretensiosamente e hoje percebemos que foi uma escolha acertada. O apoio que recebemos foi fundamental para conseguirmos parar”, diz. O início é a etapa mais difícil. “Sentia muita ansiedade. O medicamento prescrito e as caminhadas longas ajudavam a aliviar”, conta Roberto Borges, Conselheiro Fiscal da FUNDAFFEMG, que fumou durante 30 anos. Ele decidiu parar por saber que o hábito é prejudicial à saúde e conseguiu com a ajuda do Grupo.

 

A lista de conquistas citadas pelos beneficiários após largarem o cigarro é grande. Melhoria do paladar, do olfato e da capacidade aeróbica, além do rejuvenescimento da pele, foram as principais citadas por Thalia. Já Roberto contou que parou de sofrer com inflamações na gengiva.

 

 

 

Grupo de Apoio à Cessação do Tabagismo Bons Ares

O beneficiário fumante interessado em abandonar o vício deve entrar em contato com a FUNDAFFEMG. Ele pode ter acesso a um plano de tratamento personalizado, traçado por clínico geral, pneumologista, psicólogo e assistente social, após exames e avaliações individuais. Caso compareça às consultas propostas, cumpra com as indicações e participe de um grupo de atividade física; a FUNDAFFEMG paga 50% do valor das medicações indicadas.

 

 

 

Se você parar de fumar após...

20 minutos | A pressão sanguínea e pulsação voltam ao normal.

2 horas | Não há mais nicotina no seu sangue.

8 horas | O nível de oxigênio no sangue se normaliza.

2 dias | Seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar readquire a capacidade de identificar sabores.

3 semanas |  A respiração fica mais fácil e a circulação melhora. 

5 a 10 anos | O risco de sofrer infarto será igual ao de quem nunca fumou.

..........................................................................................................................................
 [volta página anterior]
 
 
Receba nosso

Boletim Eletrônico


.............................................................................................................................................................................................
Rua Sergipe, 893 . Savassi - BH/MG - CEP:30130-171 . Telefone (31)2103-5858