FUNDAFFEMG - Fundação AFFEMG de Assistência e Saúde

Mamografia: exame que salva vidas

A mulher conta com um aliado na luta contra o câncer de mama. Trata-se do exame, que, dada a sua importância, possui até um dia dedicado a ele: o Dia Nacional da Mamografia, lembrado em 5 de fevereiro. A data foi instituída em 2008 no Brasil para sensibilizar a população sobre o tema. E o alerta é necessário: a cobertura mamográ­fica no país está longe de alcançar os patamares indicados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A recomendação é que ao menos 70% das mulheres entre 50 e 69 anos realizem periodicamente o exame. Mas, em 2017, apenas 24,1% da população feminina nessa faixa etária fez a mamogra­fia – o pior índice nos últimos cinco anos.

A luta das mulheres está só começando

 

Ser mulher ainda é um desa­fio no Brasil e no mundo. É por isso que a data dedicada a elas, o Dia da Mulher (8 de março), tem se tornado um momento para comemorar avanços, mas também para colocar em pauta os desafios relacionados ao gênero.

Dengue, zika e chikungunya: saiba suas diferenças e como evitar as doenças

Verão é sinônimo de altas temperaturas e grande volume de chuvas, ideais para a proliferação do mosquito urbano que quase todo brasileiro conhece: o Aedes aegypti, causador da dengue, zika e chikungunya. De forma geral, as doenças provocam febre, dores de cabeça e nas articulações, além de enjoo e manchas pelo corpo. Mas há diferenças importantes que influenciam no tratamento de cada uma.

Fique atento: alguns exames e procedimentos demandam autorização prévia

O Carnaval está logo aí. Caso você tenha algum exame ou procedimento a ser realizado neste período e que demande autorização prévia, adiante-se e solicite a autorização para a Fundaffemg até 28/02/2019.

..

Você conhece as responsabilidades do beneficiário junto à FUNDAFFEMG?


O fornecimento de todas as informações referentes a dados de beneficiários, solicitadas pela Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS), é de responsabilidade da FUNDAFFEMG. Para isso, o beneficiário também deve estar atento e manter sempre atualizados seus dados cadastrais junto à fundação, para que as informações previstas no Sistema de Informações de Beneficiários (SIB) sejam encaminhadas corretamente.


 

Saiba mais sobre a ANS

Vinculada ao Ministério da Saúde, a ANS é responsável por toda a regulamentação do setor de planos de saúde do Brasil, para defender os interesses da população que utiliza esse serviço. A autarquia cria normas, controla e fiscaliza as iniciativas relacionadas à assistência médica privada. “A FUNDAFFEMG, mesmo sendo uma fundação que adota o modelo de autogestão, também deve cumprir a maior parte das exigências fixadas pela agência”, comenta Sandra Veiga, superintendente da instituição.

 

Uma das normas mais importantes se refere ao Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde. O documento lista todos os procedimentos, exames e tratamentos com cobertura obrigatória pelos planos de saúde brasileiros. A FUNDAFFEMG fornece, além dos obrigatórios, um número significativo de outros procedimentos e tratamentos.

 

 

A ANS no dia a dia da FUNDAFFEMG

 

Para controlar os atendimentos realizados pelos planos de saúde, a ANS está presente quase diariamente no dia a dia das operadoras e, consequentemente, da FUNDAFFEMG. Por isso, informações devem ser encaminhadas periodicamente para a Agência: elas dão conta de todo o histórico de atendimento prestado aos beneficiários, bem como do relacionamento mantido com prestadores de serviço e da saúde financeira de cada operadora. “Em razão do rigor desses controles, a FUNDAFFEMG tem investido na atualização de seus sistemas operacionais e de gestão para atender melhor a todas as obrigações legais. Nosso objetivo é não apenas melhorar a gestão, mas também o atendimento ao beneficiário, além de garantir a confiabilidade dos dados e o cumprimento das exigências legais”, explica Sandra.

 

Veja, a seguir, outras informações que são enviadas periodicamente pela FUNDAFFEMG por meio dos sistemas da ANS:

 

  • Sistema de Informação de Produtos (SIP): concentra todas os dados relacionados à assistência prestada aos beneficiários, para garantir a análise do equilíbrio econômico-financeiro e atuarial das operadoras.
  • Documento de Informações Periódicas das Operadoras de Planos de Assistência à Saúde (DIOPS): criado para garantir o controle, monitoramento e acompanhamento das empresas de plano de saúde, inclui informações cadastrais e financeiras.
  • Monitoramento da Troca de Informações na Saúde Suplementar (TISS): criado para monitorar a troca de informações entre as operadoras e seus prestadores de serviços, tais como a quantidade de eventos autorizados, cobrados, pagos e glosados

..........................................................................................................................................
 [volta página anterior]
 
 
Receba nosso

Boletim Eletrônico


.............................................................................................................................................................................................
Rua Sergipe, 893 . Savassi - BH/MG - CEP:30130-171 . Telefone (31)2103-5858