FUNDAFFEMG - Fundação AFFEMG de Assistência e Saúde

Coronavírus

Confira algumas perguntas e respostas sobre a doença que tem causado preocupação em todo o mundo. 

Campanha da Vacinação contra a gripe 2020 | Data adiada

Em razão da pandemia, o laboratório SANOFÍ, que fornece a vacina quadrivalente da nossa campanha, informou, hoje (26 de março), que não conseguirá cumprir com a entrega das doses no tempo negociado em contrato.  Estamos negociando uma nova data e em breve comunicaremos em nossos canais de comunicação.

Salientamos que o Ministério da Saúde iniciou em 23 de março sua campanha, com a distribuição do tipo trivalente da vacina. Esta primeira fase contempla idosos e profissionais de saúde. A partir do dia 16 de abril, será a vez dos doentes crônicos e, em 9 de maio, crianças (entre 6 meses e 6 anos).  As pessoas do grupo de risco, caso queiram antecipar a sua vacinação, procurem o local mais próximo a sua residência.

 

Medidas preventivas no combate ao Coronavírus

Confira aqui a fala do Diretor de Assistência à Saúde, Sr. Antônio Caetano e acesse o EU SAÚDE FUNDAFFEMG:

 

Orientações de cuidado sobre o Coronavírus

Clique no banner e confira nota oficial da Fundaffemg sobre o avanço do Coronavírus:

 

..

Dislexia de leitura ou déficit de atenção?


Também conhecida como “Dislexia de Leitura”, a Síndrome de Irlen diz respeito à dificuldade relacionada à manutenção da atenção, compreensão e memorização e à atividade ocular durante a leitura levando a um déficit de aprendizado.

Publicada em: 17/07/2013

 

A Dislexia afeta pessoas de todas as idades, com inteligência normal ou superior à média e está relacionada a uma desorganização no processamento cerebral das informações recebidas pelo sistema visual.

Com alguns sintomas em comum, a desatenção e a falta de concentração são queixas tanto no DDA (distúrbio do déficit de atenção – com ou sem hiperatividade) quanto na dislexia de leitura. Em meninas é comum esta forma de apresentação do DDA, que é bem mais conhecido do que a dislexia visual.

Por isso, alguns sinais e queixas visuais como espelhamento, fotofobia e falta de concentração, especialmente em relação à leitura, devem ser valorizados para excluir a dislexia visual antes de formalizar o diagnóstico de DDA. Diagnóstico esse que também é de exclusão, já que não existe nenhum exame complementar que sozinho confirme o diagnostico de DDA. Desta forma, são necessários testes neuropsicológicos que avaliam a capacidade de memória e a cognição, entre outros aspectos, além da ressonância magnética encefálica e a eletroencefalografia com mapeamento cerebral.

Na dúvida, a criança deve ser avaliada por especialistas tanto em déficit de atenção quanto em dislexia visual. E caso as dúvidas persistam, o acompanhamento por ambos especialistas deverá permanecer por um tempo maior, Isso fará a diferença após um determinado período de observação e acompanhamento, já que uma precipitação diagnóstica não conduzirá a desfechos positivos no longo prazo.

Muitos oftalmologistas admitem que a maioria ainda não esteja familiarizada com a dislexia visual. Por se tratar de um diagnóstico e o tratamento da dislexia de leitura um tanto recente, as dificuldades enfrentadas por pais, educadores e crianças portadoras do distúrbio podem e devem ser minimizadas através de exaustiva investigação propedêutica.

Assim, as queixas trazidas pelos pais não devem ser ignoradas, ainda que o exame rotineiro (acuidade visual, analise refratométrica, visão de cores, fundoscopia e biomicroscopia) não apresente anormalidade digna de nota.

O tratamento oftalmológico convencional (lentes corretoras de ametropias) não agrega valor terapêutico. Mas estratégias motoras (avaliação por ortoptista familiarizado com a síndrome disléxica), filtros e prismas podem melhorar muito a qualidade de vida das crianças portadoras da dislexia de leitura, conforme atestam especialistas habituados a lidar com as queixas oftalmológicas do distúrbio disléxico.

No Brasil, núcleos criados por especialistas em Minas Gerais e Pernambuco agregam profissionais de vários segmentos (ortóptica, psicologia, fonoaudiologia, psicomotricidade, entre outros).

(Fonte: Portal Dislexia de Leitura do Hospital de Olhos, MG)

..........................................................................................................................................
 [volta página anterior]
 
 
Receba nosso

Boletim Eletrônico


.............................................................................................................................................................................................
Rua Sergipe, 893 . Savassi - BH/MG - CEP:30130-171 . Telefone (31)2103-5858