FUNDAFFEMG - Fundação AFFEMG de Assistência e Saúde


  • O que é Ouvidoria

É uma unidade de segunda instância da FUNDAFFEMG, Fundação Affemg de Assistência e Saúde, que tem por objetivo ouvir os beneficiários e prestadores de serviços, quanto a elogios, sugestões, consultas e reclamações, de modo a tentar resolver conflitos que surjam no atendimento ao público, e subsidiar aperfeiçoamento dos processos de trabalho da Fundação, buscando sanar eventuais deficiências ou falhas em seu funcionamento.

  • Como funciona

As reclamações, sugestões, denúncias, críticas e elogios podem ser encaminhadas via o email ouvidoria@fundaffemg.com.br, carta, pessoalmente, ou pelos telefones (31)21035849 - (31)95424696.

Horário de Atendimento: de 2ª a 6ª feira, de 8:00 às 12:00 e de 13:00 às 17:00 horas.

Endereço para correspondência: Rua Sergipe 893 – Bairro Funcionários – CEP 30130-171 – Belo Horizonte/MG.
Enviar aos cuidados da Ouvidoria

  • Quando deve atuar

Quando a demanda não for resolvida pelos canais habituais da FUNDAFFEMG (áreas de atendimento, autorização ou fale conosco), devido a falhas operacionais ou problemas de qualquer natureza. Deve ser considerada uma unidade de segunda instância.

  • Prazo de resposta ao interessado

O prazo para responder é de 7 (sete) dias úteis, a partir do registro na Ouvidoria. É admitido um prazo maior, desde que não superior a 30 (trinta) dias úteis, nos casos complexos ou excepcionais, e devidamente justificados.

  • Compete à Ouvidoria
1. Receber, analisar e dar resposta às reclamações, sugestões, consultas e elogios registrados pelos beneficiários em relação à prestação de serviço da FUNDAFFEMG, bem como de seus credenciados, quando não forem solucionadas no âmbito do primeiro atendimento;
2. Encaminhar às áreas internas da FUNDAFFEMG as manifestações recebidas, acompanhando as providências adotadas e assegurando para que a resposta seja devidamente encaminhada ao interessado;
3. Mediar os eventuais conflitos entre o beneficiário e a FUNDAFFEMG;
4. Organizar e interpretar o conjunto de manifestações recebidas e monitorar o desempenho da FUNDAFFEMG a partir delas;
5. Apresentar à direção da FUNDAFFEMG os relatórios com as principais manifestações e ações de melhoria;
6. Propor a correção de eventuais falhas no atendimento ou no processo interno de trabalho;
7. Responder aos órgãos de defesa do consumidor, quando demandada, sobre as manifestações recebidas; e
8. Encaminhar o relatório anual para a Ouvidoria da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS.

Promoção da saúde com o SEMPRE

No dia 27 de outubro, em Belo Horizonte e Juiz de Fora, 327 beneficiários, entre pais e filhos, participaram de mais um evento do Programa Educando para a Saúde, iniciativa do Serviço de Medicina Preventiva (SEMPRE-FUNDAFFEMG). Por meio de atividades lúdicas, os participantes tiveram acesso a informações para manter sua saúde em dia, que destacaram a importância de ter uma alimentação balanceada e praticar atividades físicas. O projeto é uma das frentes de atuação do SEMPRE, que possui diversas outras iniciativas de promoção da saúde. 

Faça sua parte na luta contra o sarampo

Nos últimos meses, o Brasil tem registrado um número cada vez maior de casos de uma doença até então erradicada no país, o sarampo. Segundo o Ministério da Saúde, até dezembro de 2018 foram registrados mais de 10 mil casos, principalmente nos Estados do Amazonas e Roraima. O dado preocupa tanto porque já houve registros dos primeiros casos no Sudeste quanto porque o sarampo é altamente contagioso e pode ser perigoso à saúde: transmitido pela tosse, espirro, fala ou respiração, pode causar complicações, principalmente em gestantes, bebês e pessoas desnutridas. 

Volta às aulas com saúde

Tudo preparado para a volta às aulas, em fevereiro? Se você acredita que é necessário se preocupar apenas com a matrícula e os materiais escolares e uniformes, saiba que é possível fazer mais. Os pais têm papel crucial na adaptação de seus filhos para o retorno à rotina, por meio da adoção de medidas simples. 

Diagnóstico precoce é a melhor arma contra o câncer de próstata

O câncer de próstata é uma doença silenciosa e, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), há estimativa de 68.220 novos casos registrados no Brasil em 2018. É o tipo de câncer mais incidente nos homens, após o câncer de pele não melanoma, em todas as regiões do país. O desafio no combate à doença é garantir que o homem descubra o problema precocemente, o que aumenta as chances de cura, de acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). Em entrevista, o urologista Dr. Lucas Nogueira, que atende no Centro de Promoção da Saúde (CPS) de Belo Horizonte, fala sobre a doença e repassa algumas orientações aos beneficiários. 

 
 
Receba nosso

Boletim Eletrônico


.............................................................................................................................................................................................
Rua Sergipe, 893 . Savassi - BH/MG - CEP:30130-171 . Telefone (31)2103-5858